As canções mais marcantes de Burt Bacharach

A música perdeu Burt Bacharach, que faleceu aos 94 de causas naturais na última quarta-feira (8). A notícia foi divulgada por sua agente na quinta-feira (9). Conhecido como um dos maiores hit makers do século XX, o pianista, compositor e produtor musical era o papa do pop tradicional. Fazia uma música que ao mesmo tempo que era de fácil consumo (o chamado easy listening) não abandonava em nenhum momento a sofisticação. Em sua carreira foi agraciado com 6 prêmios Grammys, além de 3 Oscars.

Sua carreira começou quando saiu do Missouri e se mudou para Nova York, onde teve contato com o jazz e falsificou sua identidade para tocar nos clubes nova-iorquinos. Em 1957 formou parceria com Hal David, com quem compôs centenas de canções. Outra grande parceira foi a cantora Dionne Warwick, uma das vozes que mais interpretaram composições de Bacharach. Entre 1962 e 1968 foram nada menos que 15 colaborações da dupla no Top 40.

Abaixo você confere algumas das canções mais emblemáticas de autoria de Burt Bacharach.

Magic Moments (1957)

Primeiro sucesso da parceria Bacharach & David, que se tornou sucesso na voz do cantor Perry Como

The Story of My Life (1957)

Outra do início da parceria com David, gravada por Marty Robbins

Walk on By (1964)

Sucesso na voz de Dionne Warwick, também teve êxito em outras versões como as de Gloria Gaynor e Isaac Hayes.

I Say a Little Prayer (1967)

Esse grande sucesso foi gravado originalmente por Dione Warwick, mas ganhou outra versão marcante na voz de Aretha Franklin. É muito lembrada também pela cena da comédia romântica “O Casamento do Meu Melhor Amigo”, em que a música é cantada na mesa de um restaurante.

The Look of Love (1967)

Gravada originalmente por Dusty Springfield, da trilha sonora de Cassino Royale, foi sucesso também na versão do grupo do pianista brasileiro Sergio Mendes e, anos depois, na voz da musa do jazz Diana Krall.

This Guy’s In Love With You (1968)

Criação da dupla Bacharach & David, gravada pelo trompetista Herb Alpert, líder da Tijuana Brass, que não só toca seu instrumento mas também é vocalista da faixa.

I’ll Never Fall In Love Again (1969)

Na voz de Dionne Warwick, é um clássico absoluto do chamado easy listening

Raindrops Keep Fallin on my Head (1969)

Bacharach também é conhecido por sucessos no cinema. A faixa faz parte do filme “Butch Cassidy”, que rendeu a Bacharach o Oscar de trilha sonora em 1970. Ficou quatro semanas no topo da Billboard Hot 100, lista que compila as músicas mais executadas nos Estados Unidos.

(They Long to Be) Close to You (1970)

A composição de Bacharach e David, lançada em 15 de maio de 1970, foi também o maior hit da dupla Carpenters.

Arthur’s Theme (Best That You Can Do) (1981)

Tema do filme “Arthur, o milionário sedutor”, que lhe rendeu um Oscar de canção em 1982

That’s What Friends Are For (1982)

A música foi composta com Carole Bayer Sager e gravada originalmente em 1982, por Rod Stewart, mas a versão mais famosa é a de 1986, que reuniu Dionne Warwick, Elton John, Gladys Knight e Stevie Wonder. Era um single beneficente, com os lucros de vendas revertidos para um projeto de pesquisa e prevenção da AIDS, e chegou ao primeiro lugar das paradas americanas.

God Give Me Strength (1996)

Parceria com Elvis Costello, um de seus maiores admiradores, foi tema do filme “A voz do meu coração”. A colaboração voltaria a acontecer dois anos depois, com um disco inteiro de músicas dos dois, “Painted From Memory”, no qual Costello regravou a composição em sua voz.

3 comments
  1. Burt Bacharach sempre mereceu a nossa admiração. Compositor, arranjador de primeira linha nos deixou pérolas que nos fazem sonhar. Linhas melódicas inebriantes que nos invade a alma.
    Bela coleção foram reunidas neste espaço. Como disse o filósofo Nietzsche : “-O mundo sem a música seria um erro.”
    Obrigado Burt Bacharach. Sim, a Humanidade agradece.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *